Letras

Sobre o Programa

O Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Letras: Literatura e Crítica Literária, da Pontifícia Universidade Católica de Goiás (Mestrado Acadêmico – PPGLET – PUC Goiás) teve início de suas atividades em março de 2006. A proposta foi encaminhada à Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) do Ministério da Educação (MEC) no ano de 2005. Foi homologado pelo CNE (Portaria MEC 524), publicada no DOU em 30 de abril de 2008, embasada no Parecer do CES/CNE 33/2008, aprovado em 29 de abril de 2008, que reconheceu o Programa de Mestrado em Letras da PUC Goiás. Foi reconhecido pela CAPES com Conceito 3 e homologado pelo CNE (Portaria MEC 524), DOU 30/4/2008 e Parecer CES/CNE 33/2008 de 29/4/2008. O PPGLET está inserido na área de avaliação Letras e Linguística e foi criado a partir da área de concentração em Literatura e Crítica Literária que permite o diálogo com outros cursos acadêmicos e artísticos de áreas afins.

A PUC Goiás, como promotora do saber, apostou no PPGLET como espaço de ensino stricto sensu capaz de integrar e de ampliar as habilidades e competências de leitura crítica por meio da literatura, das artes e da interface entre diferentes áreas do conhecimento, contribuindo para qualificação e formação crítica dos profissionais da área. Uma das propostas da instituição foi a diminuição das assimetrias regionais na área do conhecimento das letras. Desse modo, o Programa Pós-Graduação Stricto Sensu em Letras se insere no âmbito do projeto de expansão acadêmico-científico da PUC Goiás que se compromete e investe na qualidade de ensino na região Centro-Oeste e nas regiões circunvizinhas do Norte e Nordeste, bem como, na propagação de seus produtos e resultados de pesquisas no Brasil e no mundo. Assim, o Programa, com o apoio institucional, investe nas atividades de ensino, pesquisa e extensão regionais, nacionais e de internacionalização. O Mestrado em Letras conta, desse modo, com o apoio irrestrito da administração superior da PUC Goiás que, juntamente com o colegiado, não poupa esforços para a manutenção e o fortalecimento do PPGLET, como PPG estratégico, principalmente, para a região e para a área de conhecimento na qual ele se insere, reverberando esses saberes para o Brasil e para outros países.

A proposta demonstra o empenho, o compromisso contínuo e a busca do amadurecimento do corpo docente e do próprio Programa Stricto Sensu que considera a necessária flexibilização dos métodos de análise crítica, aliados ao perfil do curso e à consolidação de novas propostas, concernentes às teorias, às abordagens críticas e às mudanças sociais que permitem aproximar as pesquisas e a realidade, favorecendo sua melhor inserção no contexto social.

O Programa, desde a sua fundação, buscou sintonia com as políticas de verticalização do ensino, da pesquisa e extensão adotadas na PUC Goiás, com vistas à excelência nas suas dimensões internas, preparando seus quadros e instalações externas, pela inserção social e diálogo paritário com outras IES. O Mestrado em Letras da PUC Goiás cumpre seus desígnios no sentido de qualificar e acompanhar os seus egressos, sem se distanciar da missão principal de perseguir a excelência no que tange à pesquisa acadêmica, o que seguramente tem gerado impactos positivos dentro de todo o Estado de Goiás,  nas regiões  atendidas: centro-oeste,  norte e nordeste.

Em 2018 passou-se a investir na integração entre disciplinas e projetos, para que o Programa ganhasse organicidade. Uma nova proposta de projeto político pedagógico foi aprovada e entrou em andamento. As linhas,  embora, com alguma mudança de  designações,  não  perderam  o foco da proposta anterior: Correntes Críticas Modernas e Contemporâneas e Crítica Literária, Tradução e Transcriação.

No quadriênio (2013-2016), o Programa recebeu nota 3 na avaliação feita pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES), fundação vinculada ao Ministério da Educação do Brasil.