6 de abril de 2017

Núcleo de Estudos do Proafro realiza Roda de Conversa sobre Capoeira Angola e Educação Popular

Mestre Guaraná e Jagunço

 

O Núcleo de Estudos Africanos e Afro-brasileiros (Neab), do Programa de Estudos e Extensão Afro-Brasileiro (Proafro/PDH/Cdex), realiza neste sábado, 8, às 10h, na sala do Proafro, térreo da Escola de Formação de Professores e Humanidades (EFPH), uma Roda de Conversa sobre a Capoeira Angola e seus princípios para projetos de Educação Popular Afro-Centrada, com a participação do Mestre Guaraná de Capoeira Angola. Os encontros são abertos à comunidade em geral. Os participantes receberão certificado. Mais informações pelo fone: 3946-1618.

5 de abril de 2017

Diretor do Arte e Fatos ministra Oficina no Sesc de Anápolis

Danilo Alencar 2 

O diretor do Grupo de Teatro Arte e Fatos, da Coordenação de Arte e Cultura (CAC/Proex) da PUC Goiás, Danilo Alencar, realiza no próximo sábado, 8, às 14h, a oficina A comunhão do teatro e do mundo contemporâneo no Sesc de Anápolis. A Oficina é gratuita, voltada para pessoas maiores de 16 anos. As vagas são limitadas e a inscrição pode ser feita pelo e-mail samera.almeida@sescgo.com.br. Mais informações pelo fone (62) 3902-6915.

Último Encontro de Bolsistas será na quinta-feira

fotoN1_277634

A PUC Goiás realiza o último Encontro de Bolsistas desse semestre nesta quinta-feira, 06, às 19h, no auditório da Área 4, com os estudantes bolsistas do Vestibular Social e do Prouni do Campus I, das Áreas 2, 3, 4 e 5. Nesta terça-feira, 04, no Teatro PUC, foi realizado o segundo encontro com os estudantes bolsistas que estudam no Campus II e no Campus V. Os estudantes estão sendo recepcionados pelo Reitor, Wolmir Amado, pela Vice-Reitora, Olga Ronchi, pela Pró-Reitora de Extensão e Apoio Estudantil (Proex), Márcia de Alencar Santana, pelo coordenador da Coordenação de Apoio Estudantil (CAE), Valterci Vieira, a coordenadora de Filantropia e coordenadora Institucional do Prouni na PUC Goiás, Wanessa Carvalho Ferreira, e demais gestores da instituição. O objetivo do evento é apresentar os diferenciais dos programas de bolsa, o projeto pedagógico e a infraestrutura da universidade. Mais informações sobre o evento na CAE pelo fone: 3946-1062.

Inscrições para Workshops da Jornada da Cidadania vão até dia 14 de abril

Workshop Jornada

As inscrições de propostas de workshops para a Mostra da Produção do Conhecimento da 4ª Jornada da Cidadania da PUC Goiás vão até o dia 14 de abril. O evento será realizado de 24 a 27 de maio no Centro de Convenções PUC, no Câmpus II, Jardim Mariliza. As propostas de workshop devem ser feitas por um professor, funcionário, aluno matriculado ou egresso da universidade.

No Workshop deve ser apresentado trabalho acadêmico ou pedagógico que aprofunde temas relacionados aos eixos temáticos do evento, seguido de debate com os participantes da atividade. O edital está disponível neste link e as inscrições devem ser feitas no site www.pucgoias.edu.br/jornada. Mais informações pelo fone: 3946-1122.

4 de abril de 2017

Grupo Guará encena Paixão de Cristo em Caldas Novas

Paixão de Cristo

O Grupo de Teatro Guará (CAC/Proex) da PUC Goiás apresenta a montagem Paixão de Cristo, com direção de Samuel Baldani, no próximo sábado, 8, e na sexta-feira santa, 14, no anfiteatro Odorico Nery, no Sesc de Caldas Novas. O espetáculo teve a estreia no sábado passado, 01 de abril e segue em temporada pelos próximos dois fins de semana. A classificação do espetáculo é livre e a entrada é restrita aos hóspedes da Unidade. O espetáculo faz parte do projeto Palco em Cena do Sesc.

A Paixão de Cristo é uma peça sobre as últimas doze horas da vida de Jesus de Nazaré.  Trama começa no Jardim das Oliveiras (Getsêmani), onde Jesus vai orar após a última ceia. Traído por Judas Iscariotes, Jesus é preso e levado de volta para a cidade de Jerusalém, onde os líderes dos fariseus o confrontam com falsas acusações de blasfêmia. Nessa encenação o Grupo Guará mantém a sua tradição de investir em um teatro popular, procurando construir um espetáculo que possa ser apresentado nas ruas, nas praças e dentro dos teatros tradicionais, estabelecendo uma forte comunicação com o público. Este é o segundo ano que Baldani leva o espetáculo para Caldas Novas.